WhatSapp do Programa Variedades do Ruba

WhatSapp do Programa Variedades do Ruba

PREVISÃO DO TEMPO PARA JAGUARÃO E RIO BRANCO UY

TRANSMISSÃO DO PROGRAMA AO VIVO DAS 10:30 ÀS 14:00 DE SEGUNDA A SEXTA-FEIRA.

TRANSMISSÃO DO PROGRAMA AO VIVO DAS 10:30 ÀS 14:00 DE SEGUNDA A SEXTA-FEIRA.
CLIQUE NA IMAGEM COM O BOTÃO DIREITO DO MOUSE E ABRA EM OUTRA JANELA.

PROGRAMA VARIEDADES DO RUBA

PROGRAMA VARIEDADES DO RUBA
PROGRAMA VARIEDADES DO RUBA É UM PROGRAMA DE UTILIDADE PÚBLICA ONDE VOCÊ FICA SABENDO AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS DA FRONTEIRA BRASIL X URUGUAY

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK E DEIXE SUA MENSAGEM PRIVADA PARA O PROGRAMA

CASA LOTÉRICA DE JAGUARÃO FONE 3261-5959

CASA LOTÉRICA DE JAGUARÃO FONE 3261-5959

RESULTADOS DO TRILEGAL TCHÊ SÓ PARA O INTERIOR

Postagem em destaque

JAGUARÃO; PELA PRIMEIRA VEZ EM JAGUARÃO SHOW BANDA RAÇA NEGRA

Banda Raça Negra Ginásio Ferrujão Endereço: Avenida 27 de Janeiro  Jaguarão - RS Data do evento: 12/12/18 Abertura dos portões: 20:00 ...

Sob vaias; Inter volta a decepcionar no Beira-Rio e perde para o Boa

Até o Boa ganha no Beira-Rio. Os novos tempos do Inter são assim. Em mais uma atuação fraquíssima, os colorados foram derrotados pelo time mineiro por 1 a 0 e corre risco de deixar uma vez mais o G-4 da Segunda Divisão. Dessa vez, nem mesmo a falta de tempo para treinar pode servir de desculpa. O time de Guto Ferreira passou a semana concentrado no luxuoso eco resort Vila Ventura.

O jogo começou com o roteiro de sempre no Beira-Rio da Série B: adversário fechado, Inter tentando pressionar sem sucesso e correndo algum risco em contra-ataques. A semana de treinos e de concentração em Viamão não parece ter dado um melhor futebol ao time de Guto Ferreira. O Inter buscava avançar pelas laterais, com Fabinho e Carlinhos ou pelo meio, com o trio Dourado, Charles e Mossoró dando início às jogadas. Porém, sem velocidade, o ataque colorado facilitava a vida da defesa mineira. Para piorar, nas poucas vezes em que o Inter chegou à área do Boa, as conclusões foram sofríveis.

Aos 26 minutos, o roteiro dos tropeços colorados quase se cumpriu: contra-ataque do Boa, o lateral Ruan entra às costas de Carlinhos, cara a cara com Danilo Fernandes, e chuta para fora. Aos 39, Fellipe Mateus invadiu a área e teve a camisa puxada por Danilo Silva. O árbitro não marcou o pênalti. E, ao final do primeiro tempo, era o Boa quem merecia marcar. Aos 43 minutos, Fellipe Mateus cobrou falta no ângulo e Danilo Fernandes fez uma grande defesa. Assim que o árbitro apitou, ao final dos 45 minutos, mais uma repetição no Beira-Rio: vaias.

No segundo tempo, com Juan no lugar de Mossoró, o Inter tentou pressionar. E não conseguiu. E, além de não conseguir pressionar o Boa, conseguiu levar um gol do Boa. O veteraníssimo Ramon (ex-Grêmio) enganou com facilidade Dourado e Klaus e encontrou Diones invadindo a área pelo meio, sozinho, para desviar de Danilo Fernandes: Boa 1 a 0.

Com graves problemas para atacar o Boa, o primeiro chute colorado surgiu aos 13 minutos, quando Brenner bateu fraco, nas mãos do goleiro Daniel. Diego e Roberson ainda foram a campo, mas nada que desse futebol ao Inter. A partir dos 30 minutos, a torcida colorada começou a gritar "vergonha, vergonha, time sem vergonha", "Danilo guerreiro, o resto é pipoqueiro" e "sejam mais guerreiros". A atuação do time de Guto Ferreira era abaixo da crítica.

Aos 37 minutos, o Inter ficou com um jogador a mais em campo. Júlio Santos — campeão gaúcho com o Novo Hamburgo — e Diego trocaram empurrões, ambos receberam amarelo, mas o zagueiro do Boa já tinha recebido um cartão amarelo antes. Foi expulso.

Ao final de mais um tropeço do Inter na Série B, a impressão que fica é a seguinte: o atual Inter está jogando entre os seus iguais.

GAÚCHA